Volkswagen

Volkswagen SpaceFox Highline: versatilidade é com ela mesma

DSC04552_edited

Conciliando características das minivans e qualidades das station wagons, a Volkswagen SpaceFox conquista as famílias com sua boa gama de recursos que tornam a convivência no dia-a-dia muito mais agradável. Esteticamente, a versão Highline se destaca pelos frisos cromados nos para-choques e nas laterais, faróis e lanternas com máscara negra, rodas de liga leve de 15 polegadas, faróis e lanterna de neblina, além das barras de teto, que podem acomodar ainda mais bagagem.

DSC04550_edited DSC04583_edited

O ambiente interno traz atenção ao acabamento, com cores mais claras e boa ergonomia. As portas dianteiras trazem recipientes para garrafas e há até uma bandeja abaixo do banco do motorista. Ao centro há dois porta-copos, e o porta-luvas é iluminado, para facilitar a localização dos objetos.

DSC04578_edited DSC04580_edited

Quem senta atrás conta com mesinhas que trazem porta-copos integrados. A SpaceFox também é dotada do inovador recurso ARS, que permite o deslizamento do banco traseiro para frente ou para trás, aumentando a capacidade do porta-malas ou ampliando a área para as pernas dos passageiros, bastando acionar uma alavanca central.

DSC04581_edited DSC04582_edited DSC04553_edited

Falando no porta-malas, sua capacidade é de 440 litros e o habitáculo conta com duas redes laterais, para impedir que objetos rolem nas curvas. Há também tomada de 12 Volts e iluminação. O rebatimento do banco traseiro é facilitado através de tiras vermelhas e das instruções impressas no encosto do assento.
DSC04556_edited

De série, a SpaceFox Highline traz um pacote bem-servido de equipamentos:

DSC04573_editedDSC04563_edited DSC04566_edited DSC04591_edited

O motor 1.6 é da nova família que passa a equipar também o Golf Comfortline. Com 16 válvulas e sem reservatório para partida a frio, rende 110 cavalos com gasolina e 120 cv com etanol. O torque é de 15,8 kgfm (gasolina) e 16,8 kgfm (etanol). Em testes da Volkswagen, a SpaceFox acelera de 0 a 100 km/h em 10,1 segundos e chega a 191 km/h com o combustível derivado da cana-de-açúcar. Há duas opções de câmbio: manual de 6 marchas e automatizado I-Motion, de 5 velocidades, com modo sequencial, paddle-shifts no volante e função Sport.
DSC04569_edited DSC04576_edited DSC04585_edited DSC04589_edited DSC04590_edited DSC04595_edited

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.