Volkswagen

Volkswagen Voyage celebra 35 anos com comodidade e tecnologia

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on TumblrEmail this to someonePrint this page

iris (2)

Há 35 anos, em julho de 1981, as concessionárias Volkswagen no Brasil começavam a receber as primeiras unidades do Voyage. Derivado do Gol, o sedã já acumula mais de 1 milhão de unidades vendidas ao longo de sua história. Oferecido inicialmente com carroceria de duas portas, o Voyage foi lançado nas versões S e LS, com opção de motores movidos a álcool ou a gasolina, ambos de 1,5 litro e refrigerados a água. O câmbio era de quatro marchas.

12_VOLKS_1982Voyage_21-03-13

Como o Gol, o Voyage foi totalmente projetado e desenvolvido no Brasil e, ao longo de sua história, já teve mais de 410 mil unidades exportadas para 61 países. Quinto modelo Volkswagen mais vendido do mercado brasileiro, o Voyage registrou 14.102 unidades comercializadas no mercado nacional no acumulado do primeiro semestre de 2016.

04_VOLKS_Voyage1995_23-01-12

A produção do Voyage teve início na fábrica da Volkswagen em São Bernardo do Campo, que fabricou 340.891 unidades do carro em dois períodos: entre 1981 e 1987 e entre 1990 e 1996. Nos anos de 1988 e 1989 o carro foi produzido na fábrica de Taubaté, no interior do estado de São Paulo. Desde 2008, o modelo é produzido exclusivamente na unidade de Taubaté, na mesma linha em que é fabricado também o Novo Gol.

iris

O nome Voyage significa “viagem” em francês e foi escolhido para o carro pela conotação de qualidades como charme e beleza. O Voyage apresenta design versátil com formas, linhas e proporções harmônicas, combinando uma imagem clássica com modernidade.

NovoVoyage_03

Uma curiosidade sobre as exportações do Voyage é que o sedã somente é comercializado com este nome na Argentina, onde também foi vendido com o nome Gacel (‘gazela’, em espanhol). Nos demais países da América do Sul, América Central e México, o Voyage é conhecido como Gol Sedan. Já nos Estados Unidos e no Canadá, onde foi vendido durante um período de sete anos (de 1987 a 1993), foi chamado de Fox e somou mais 202 mil unidades comercializadas.

Na ocasião, o Voyage exportado já contava com uma novidade para a época que era um inédito sistema de injeção de combustível. Em relação às versões comercializadas no Brasil, os modelos receberam aproximadamente 2.000 modificações, incluindo suspensão e câmbio de quatro marchas com “overdrive” (alongado). Atualmente, o Voyage é exportado para oito países: Argentina, México, Bolívia, Chile, Colômbia, Peru, Paraguai e Uruguai.

iris (1)

De lá para cá, ano a ano, o sedã vem se modernizando e inovando sua categoria. Seja em estilo ou em equipamentos de série. O sedã recebeu na linha 2017, entre outras novidades, a evolução de design, um interior completamente novo e passou a contar com a tecnologia App-Connect, a mais inovadora em sistemas multimídia no mercado (com espelhamento da tela de celulares compatíveis, comandos de voz e tela sensível ao toque de alta definição, entre outros recursos), tornando-se o sedã mais conectado no mercado brasileiro.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on TumblrEmail this to someonePrint this page

One Comment

  1. Pingback: Volkswagen Voyage celebra 35 anos com comodidade e tecnologia! – NewsOn

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.